7 de dez de 2010

Mulher ao Volante


Olha como o mundo é engraçado. Geneticistas já conseguiram desvendar a seqüência completa do DNA humano, clonar ovelhas já virou carne de vaca, e mesmo assim, nenhum cientista conseguiu explicar até hoje qual é o poder que uma mulher no volante exerce sobre o psiquismo masculino.


Mesmo as estatísticas provando por XY + XX que as mulheres causam muito menos acidentes no trânsito do que os homens, ninguém se convence. E sempre tem um engraçadinho que comenta:

- "Também pudera. Você usa o carro para levar as crianças na escola e ir até a padaria. Que acidente você poderia causar? Atropelar um pãozinho francês?" rs

Ninguém admite que dirigir bem ou mal independe de sexo. Existem os homens e as mulheres que dirigem bem, os homens e as mulheres que dirigem mal.
Agora fazendo aulas de direção vejo como o trânsito é maluco e as pessoas não se respeitam em sociedade. Mesmo conduzindo a máquina criada pelo homem, percebemos que as pessoas querem dominar todo trânsito, sem respeito ao espaço do outro e ainda causando acidentes e mortes. Cada dia vemos nossas leis de trânsito mais rigorosas, os preços pra tirar uma habilitação estão cada vez mais caros e as punições estão ainda mais severas pra aqueles que não respeitam a vida.
Aprender a dirigir é uma arte e um ofício diário de administrar os erros alheios e conduzir-se num trânsito cada vez mais caótico e gritante por reedução das pessoas. Falta respeito, paciência e cortesia.
Estou em busca da minha habilitação, mas também estou em busca de aprendizado. Aprender a conviver num meio social mais cortês para que assim todos possam transitar sem desacatar as leis e principalmente respeito ao próximo e a si mesmo.

"...ser mulher é uma mão na roda."

Beijinhos e vamos adiante!


Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...