3 de out de 2012

Gênesis 17:1-27 Pacto de Deus e Abraão

 
Abraão foi um tremendo servo de Deus, mas falhou quando não confiou na sua promessa em esperar a benção. Na falta de fé Abraão deitou-se com a serva de sua mulher e com ela teve um filho chamado Ismael.
O livro de Gênesis 17:1-7 pra mim é uma das promessas de Deus mais lindas da bíblia. Aqui vemos um pacto, uma promessa, uma benção. Deus diz no versículo 7: "estabelecerei o meu pacto contigo e com a tua descendência depois de ti em suas gerações, como pacto perpétuo, para te ser por Deus a ti e à tua descendência depois de ti." Imagina saber que mediante a sua vida e sua relação com Senhor suas futuras gerações serão abençoadas? Que Deus multiplicará todas as bençãos em sua vida e ainda o melhor, ter total intimidade com o Criador?
Gosto de pensar em Abraão neste momento, com os olhos cheios de lágrimas, muito emocionado , prostrado ao solo e Deus falando diretamente às ele. Gosto de pensar também quando leio a bíblia, os rostos das pessoas, o cenário, o dia daquele fato. E gosto de imaginar que o sol estava brilhante no céu, as ovelhas tranquilas comiam seu capim enquanto Abrãao recebia a enorme promessa de Deus da forma mais humilde.
O coração do homem é imperfeito, vagoroso em crer nas promessas daquele que é fiel. Neste capítulo Deus muda tudo na vida de Abraão. Até o seu nome. Com 99 anos de vida Deus faz de seu servo um homem transbordando de bençãos e com coração cheio de esperança.

Outro ponto relevante estão nos versículos de 9-14. Podemos pensar em diversos motivos de Deus passar essa ordenança da circuncisão de todos os meninos que viessem a nascer. Conforma a bíblia nos ensina a circuncisão é muito usada como uma figura do arrependimento espiritual e submissão a Deus (Jeremias 4:4; Deuteronômio 10:16 e 30:6).

Outra promessa que vemos na palavra é que o filho da promessa deveria vir de Sara. Aquela que tanto desejou ter um filho. Aqui Deus muda também seu nome de Sarai para Sara. Deus é tão cuidadoso que não só abençou o filho da promessa, Sara já em idade avançada para gerar o fruto, mas abençou Ismael para que continuasse sendo o filho amado e estar dentro da descendência abençoada de Abraão.

Algumas considerações finais:

1º) Independente da idade avançada Sara, o filho da promessa iria nascer do ventre dela e este deveria se chamar Isaque que significa "risada". A promessa de Deus nunca falta, e Deus é fiel pra cumprir tudo que promete a um servo seu.
2º) O filho da promessa é Isaque, Ismael foi o filho gerado da ansiedade em esperar o melhor de Deus. Mas Deus em sua bondade, não amaldiçoa Ismael.
3º) Por causa de Abraão em orar e interceder por seu filho Ismael também é abençoado por Deus, em frutificar, multiplicar grandemente e 12 príncipes seria gerado e se formaria uma grande nação.
4º) Abraão tinha 99 anos quando foi circuncidado, Ismael tinha 13 anos e ambos foram circuncidados no mesmo dia.
5º) Todos os homens da sua casa ou nascidos em seu lar, foram também circuncidados.

Notamos que a obediência de Abraão foi imediata e cumpriu tudo que Deus lhe ordenara. A fé no senhor foi renovada e Deus o restaurou tremendamente.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...