3 de ago de 2011

"...se tocada por dedos bruscos, me estilhaço em cacos,
me esfarelo em poeira dourada.
Tenho pensado se não guardei indisfarçáveis
remendos das muitas quedas.
Embora sempre os tenha evitado,
aprendi que minhas delicadezas nem sempre
 são suficientes para despertar a suavidade alheia..."

(Caio Fernando Abreu)

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...